• (11) 99286-8531(whatsapp)
  • contato@clinicadepsicologiasp.com.br

Tratamentos Psicológicos

Transtorno Alimentar

Transtorno alimentar é uma doença mental em que a pessoa sente a necessidade de comer, mesmo quando não está com fome, e que não deixa de se alimentar apesar de já estar satisfeita. Pessoas com compulsão alimentar comem grandes quantidades de alimentos em pouco tempo. Durante o episódio de compulsão a pessoa sente perda de controle.
Os transtornos alimentares são melhor tratados quando são diagnosticados precocemente. É, no entanto, difícil o diagnóstico, pois o paciente pode negar os sintomas e o problema. Há necessidade de um profissional da área de saúde habilidoso para constatar o transtorno. Em alguns casos, o tratamento é de longa duração. A intervenção medicamentosa se faz necessária em boa parte dos casos e a psicoterapia é obrigatória.

A Terapia Comportamental, nesses casos tem se mostrado uma abordagem psicológica muito eficaz, ao contrário das abordagens psicodinâmicas. Ela tem como objetivos: desenvolver o comportamento alimentar adequado, modificar os padrões de pensamento distorcidos e rígidos (crenças disfuncionais), aumentar a auto-estima, motivar a persistência no tratamento, proporcionar apoio emocional, reinserir a pessoa no meio social e auxiliar a modificação do meio que produz o transtorno alimentar. A Terapia Comportamental pode auxiliar, também, os familiares, orientando-os em condutas que auxiliem a melhora daqueles que desenvolveram o transtorno alimentar.


Tratamentos: